INTERAÇÃO DE CD, CU, PB E ZN COM ÁCIDOS HÚMICOS EXTRAÍDOS DE TURFA

CLAUDIO PEREIRA JORDAO

Resumo


Os presents resultados demonstram que o intercfimbio de cations e a fotinacito de quelatos sate importantes mecanismos da acumulagio de metals na frac* organica de solos e sedimentos. Os varios extratores utilizados sio representativos dos tipos mais comumente usacios na liberagdo de ions metalicos da fracas) biodisponfvel e de comple- xos organometilicos. Observa- se que eases extratores liberam quantidades vatiaveis de ions metalicos. Somente em alguns casos a liberagdo completa, indicando variacoes no tipo de ligagdo quimica (reaceves de troca ionica e quelagab), bem como na eficiencia dos extratores. As variacoes encontradas no grau de retencio e liberacao de ions metelicos por macromoleculas de acidos htimicos demonstram as dificuldades encontradas na interpretactio dos resultados analiticos, ao utilizar modelos experitnentais de laboraterio como mein de representracralo parcial de amostras de solos e sedimentos. Condigoes ex- perimentais, tais como valores diferentes de pH durante o estagio de retenctio podem influenciar a percentagem de coda ion metalico retido por Acidos htimicos. No entanto, o uso de frames isoladas recomendado, em vista da fraca seletividade dos extratores 'comumente usados em amostras mais complexas de solos e sedimentos. Neste modo, o estudo dessas fracees deve contribuir pars a melhor compreensao dos mecanismos de acumulacdo e migracao de metais em sistemas naturais.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.